Nobreak – Guia para Iniciantes

Como potencializar a segurança de portões eletrônicos
setembro 27, 2018
Seus dispositivos eletrônicos são mais vulneráveis do que você imagina!
outubro 5, 2018

Nobreak – Guia para Iniciantes

É difícil imaginar viver nos dias de hoje sem energia elétrica. Seja para sua casa, na sua empresa ou na hora do lazer, ela é essencial. Quando a energia acaba, seja por causa de tempestades, surtos elétricos ou oscilações de tensão, isso compromete o funcionamento de diversos equipamentos.

Para manter seus dados a salvo, o ideal é usar uma Fonte de Alimentação Ininterrupta (UPS), mais conhecida no Brasil como Nobreak.

O problema é que encontrar o Nobreak correto pode ser complicado, uma vez que algumas  fontes informativas a respeito do assunto utilizam termos pouco conhecidos pelos consumidores. Neste post trazemos alguns esclarecimentos.

Nobreaks vs Condicionadores de Energia

  • Nobreak – é um dispositivo que possui baterias de reserva e  dependendo da sua autonomia, fornece várias horas extras de energia no caso de haver um blackout. Geralmente, esses dispositivos são usados com computadores e protegem dados sensíveis, permitindo que o usuário desligue o dispositivo de forma apropriada ou continue trabalhando.

 

  • Condicionador de Energia – é um dispositivo que filtra e distribui a energia para diversos tipos de equipamentos eletrônicos, tais como monitores de estúdio e interfaces de áudio.

Ambos podem oferecer proteção e diversas formas de filtragem de energia, como proteção contra picos e regulagem de voltagem. Porém, a principal diferença é que o Nobreak possui baterias e o condicionador de energia não.

 

 Três categorias de Nobreaks

  1. Nobreak Offline/Standby

Um nobreak standby em condições normais fornece energia para o seu computador com energia CA diretamente da tomada.

Enquanto isso, a bateria fica em modo de espera.

Então, quando ocorre uma queda de energia, o nobreak detecta o problema e alterna para a bateria.

Embora este método funcione bem para a maioria dos eletrônicos de consumo,  o problema é que o processo de alternação causa um lapso momentâneo de energia que é perigoso para equipamentos altamente sensíveis.

É por isso que, tecnicamente, um nobreak padrão não é considerado “legítimo”, já que a energia que ele fornece não é “ininterrupta”.

A boa notícia é que o lapso de tempo característico (que geralmente dura menos de 5ms, mas pode variar de 20 até 100ms) é tolerável no caso dos computadores desktop comuns.

 

  1. Nobreaks Online

Embora antigamente fossem utilizados apenas em operações comerciais, a tecnologia os tornou acessíveis para uso doméstico.

Para fornecer energia reserva verdadeiramente ininterrupta durante apagões, eles utilizam o que se conhece como “método de conversão dupla“, que funciona assim:

 O nobreak capta AC da parede e a converte em DC para carregar a bateria. Depois, transfere a DC da bateria e a converte de volta para AC, utilizando-a para fornecer energia ao seu computador.

Então, ao contrário dos nobreaks standby, que só entram em ação quando há algum problema, os nobreaks online utilizam a bateria para filtrar a energia continuamente e enviá-la ao aparelho.

Durante um apagão, há absolutamente ZERO interrupção de energia, porque o computador já está funcionando com a energia da bateria.

A energia que vai para seu computador permanece perfeitamente limpa e estável, porque a saída é sempre regulada pela bateria.

A única desvantagem desse método de conversão dupla é que ele consume bem mais energia que um no-break standby típico.

 

  1. Nobreak Linha Interativa

Embora as interrupções totais do fornecimento de energia sejam  muito temidas, na maioria dos lugares, as interrupções de energia são momentâneas e comumente conhecidas como semi-apagões.

Ao  lidar com semi-apagões os nobreaks standby  precisam alternar entre a energia AC e da bateria para lidar com as quedas. Isso diminui significativamente a vida útil da bateria causando drenagens desnecessárias e incomodando os usuários com disparos constantes de alarmes.

Entretanto, os nobreaks online são ótimos em lidar com semi-apagões, já que conseguem manter uma voltagem consistente ao disponibilizarem energia contínua através da bateria.

Os Nobreaks Linha Interativa lidam bem com os semi-apagões, utilizando um tipo especial de transformador que varia a voltagem de saída em resposta a flutuações momentâneas de energia.

Por isso, quando a energia cai, o transformador continua mantendo uma saída estável sem alternar para a energia da bateria.

Tensão Nominal e Tempo de Funcionamento

Independentemente do design, a métrica primária usada para determinar a potência de um nobreak é o volt-ampere (VA).

No geral, quanto maior o VA, maior é o tempo de funcionamento, que representa o tempo que você tem para desligar seu computador após uma queda de energia.

Outras Funcionalidades 

Com o que vimos até agora, você pode reduzir a sua busca a um campo de 3 ou 4 modelos.

Assim, sua escolha final pode se feita com base nestas 4 funcionalidades:

  1. Monitoramento de Desempenho: sistemas de monitoramento sofisticados, capazes de informar imediatamente possíveis problemas;
  2. Fator de Forma: Refere-se a nada mais que o formato externo do UPS;
  3. Ruído: Dependendo de como você usa o seu Nobreak, o ruído da ventilação pode ou não ser um problema com que você deve se preocupar;
  4. Baterias Substituíveis: Já que o custo-benefício de substituir a bateria é menor, o ideal é que você adquira um modelo com baterias substituíveis,
  5. Autonomia: A autonomia de um Nobreak (ou seja, por quanto tempo ele pode manter os equipamentos que protege, alimentados) costuma ser um fator de decisão importante para o investimento no produto;

 

Cabe ao usuário ponderar em qual aplicação deseja utilizar o Nobreak, sua potência e autonomia necessárias, antes de realizar a compra. No entanto , a Nobreak do Brasil poderá auxiliá-lo nessa escolha. Entre em contato conosco!

0800 883 0410

Os comentários estão encerrados.